quinta-feira, março 10, 2011

Como se tornar um ateu



Existem duas regras difíceis e rápidas para qualquer um que queira se tornar um ateu. Se você se sentiu tentado, veja bem, pois não é uma coisa fácil.

A primeira regra é ignorar o design na natureza. Você vai vê-lo em toda parte – de planetas a átomos, as estações, o design do corpo humano, os pássaros e abelhas, flores, frutas e até dos fungos. E é claro, o maravilhoso olho humano. Para qualquer lugar que você olhe ou não olhe, você vai ver design.

Mas aqui está a parte difícil: ignore seu senso comum dado por Deus. Admita que tudo o que o homem fez, foi feito pelo homem, mas seja totalmente inflexível sobre as coisas na natureza terem vindo do nada, sem nenhum Designer. Uma vez que você já colocou de lado sua perspicácia em relação à isso, coroe a si mesmo como inteligente. Muito. E então encontre outros ateus que vão confirmar que você realmente é inteligente.

A segunda regra é “acreditar”. Isso é muito importante, porque se você deixar a dúvida entrar, vai deixar também o medo entrar e isso pode ser uma coisa assustadora quando a grande questão é um lugar chamado “Inferno”.

Acredite que você está certo em relação às suas crenças. Acredite que a evolução é realmente verdade. Acredite que é científica. Acredite que não existem elos perdidos e acredite que Richard Dawkins sabe do que está falando.

Acredite que você á aparentado com um macaco e portanto não é moralmente responsável porque os macacos não possuem absolutos morais. Acredite que sua consciência foi dada para você por seus pais e pela sociedade e não por Deus (sempre use um “d” minúsculo para Deus, se possível).

Para crescer como um ateu, você precisa aprender a linguagem dos “crentes” - frases do tipo, “não existe criação”, “a evolução é um fato provado” e o poderoso argumento do “Monstro Espaguete Voador”. Aprenda a fina arte de copiar e colar citações e responder a evidências com “homem de palha!” Assim você não precisa responder ao desafio.

Tudo isso vai dar um percepção de inteligência. Nunca questione a evolução e não pense por si mesmo.

Faça estas coisas e você poderá se considerar um ateu, ou até mesmo um Novo Ateu. Que legal né? Bem, eu devo dizer, pelo menos será um ateu até onde alguém pode se chamar ateu. Ninguém pode ser um ateu de verdade porque, para isso, é necessário “conhecimento absoluto” para se dizer que Deus não existe. Portanto, até você ser onisciente (como Deus) você vai ter que se contentar com fazer de conta que é um ateu.

15 comentários:

Wandrey Suarez disse...

Irmão, palavras bonitas estas do irmão:

"A primeira regra é ignorar o design na natureza. Você vai vê-lo em toda parte – de planetas a átomos, as estações, o design do corpo humano, os pássaros e abelhas, flores, frutas e até dos fungos. E é claro, o maravilhoso olho humano. Para qualquer lugar que você olhe ou não olhe, você vai ver design.

Mas aqui está a parte difícil: ignore seu senso comum dado por Deus. Admita que tudo o que o homem fez, foi feito pelo homem, mas seja totalmente inflexível sobre as coisas na natureza terem vindo do nada, sem nenhum Designer. Uma vez que você já colocou de lado sua perspicácia em relação à isso, coroe a si mesmo como inteligente. Muito. E então encontre outros ateus que vão confirmar que você realmente é inteligente."

Mas como explicaria o fato de eu também ser como você - crente - e ao mesmo tempo termos pensamentos diferentes neste assunto todo-importante?

Pois sobre o design tenho o seguinte a comentar: Não foi Jeová o responsável por ele. E porque digo isso? Novamente terei de silenciar o irmão neste assunto e chamá a atenção do irmão a 'acreditarmos e termos como crenças somente aquilo que se encontra escrito nas Escrituras Sagradas'.

Lembre-se irmão: 'o que se ensina fora disso é de procedência malígna'.

Irmão, a Bíblia não diz que Jeová Deus criou o Universo, as galáxias, as estrelas - mesmo a nossa estrela - os sistemas esteleares, os planetas e satélites que os orbitam - inclusive o nosso grupo.

Jeová não criou os dinossauros e, certamente, toda a vida que existiram no seu tempo.

Mostrei que a criação de Deus foi através de buscas de fosseis de vidas pré-existentes neste planeta e que eles - os Deuses - as recriaram a partir de seu código de DNA.

Irmão, aproxime-se da verdade e abandone as enganações. Só assim entenderás verdadeiramente a natureza de nosso Criador de forma mais real.

Wandrey

Maurilo e Vivian disse...

Olá Wandrey. Eu gosto muito dos seus comentários, mas eu juro que não tenho idéia de onde você tirou essa coisa doida que você acredita. Com certeza não foi das Escrituras. Já tentei colocar seus comentários juntos para ver se algum faz sentido, mas até agora, me parece que você está comentendo o mesmo erro que me acusa: transportar para o texto algo que não está lá. Eu sei que isso é comum quando a pessoa passa muito tempo estudando a Bíblia sozinho e nunca tem com quem poder calibrar seus estudos para ver se não saiu fora do que a Bíblia ensina.
Seja o que for, você está errado. O texto bíblico é bem claro quando diz que o Senhor (Elohim) criou os céus e a terra (um eufemismo do hebraico para todo o universo).
Não existe outro Deus. Não caia nas crenças do mormonismo nessa área. Nenhum deus se formou antes nem depois de Jeová.
Abraços.

Wandrey Suarez disse...

Irmão, é uma excelente tática esta sua. Realmente, quando queremos nos esquivar da verdade verdadeira, dizemos que o profeta profere doidices.

Foi assim com a maioria dos profetas. Até mesmo contra o Senhor Jesus os críticos de Seus ensinos o chamaram de 'doido'.

Irmão, devemos procurar não falar estas coisas sobre nós mesmos e sim encarar os fatos verdadeiros.

Irmão, têm muitas coisas as quais o próprio Senhor Jesus disse que seus ouvintes 'não estavam prontos para saber' naqueles tempos mas que agora é chegada a hora de se revelá verdades verdadeiras - mesmo que estas pareçam 'doidices'.

Por exemplo, irmão. Você sabe exatamente o que é este objeto que invadiu nossa atmosfera?:

http://www.youtube.com/watch?v=9pgaw6qFbdk

O irmão nada viu?

então veja isto (aumente o som):

http://www.youtube.com/watch?v=Hfy2JMcyMyA

Irmão, será que já sabemos tudo?

Wandrey

Maurilo e Vivian disse...

Sim, essa tática funciona bem, especialmente quando o pseudo profeta está realmente dizendo idiotices.
Deixa eu entender bem, por causa de alguns vídeos no youtube (o segundo aliás tem uma edição de efeito especial bem legal), eu devo considerar que ET's existem e que eles criaram o universo, não Jeová? Ao invés de usar a Bíblia, de uma forma sensata para provar seu ponto, você está usando vídeos no Youtube? Ta bom então.
Talvez Ets existam. Talvez não. Mas de uma coisa podemos ter certeza, de acordo com o texto bíblico: Jeová é o criador de todo o universo.
Tente fazer um pouco de exegese e não eisegese, que é o que você tem feito.
Abraços.

Wandrey Suarez disse...

Calma, irmão. Vamos nos acalmar. Senão vamos acabar dinovo onde uma vez quase acabamos: em brigas.

Irmão, repare que é você quem disse o que eu não disse e tampouco diria: que os Et's criaram o universo.

O universo se auto-criou, irmão. Esta é a verdade verdadeira. E porque digo isso e de onde tiro esta informação? Hora, irmão, de duas fontes - as fontes mais conceituadas do universo - a Bíblia e a nossa ciência.

1 - da Bíblia: Por que ela simplesmente nada fala sobre Deus (ou todos eles, os Deuses) terem criado sequer um meteoro. Tudo o que ela relata no gênesis, e já estou me cançando de relatar isso ao irmão, são criações 'simbólicas'. E mesmo assim, são todas relacionadas a um tempo não tão distantes de 20 mil anos no nosso passado. Talvez se o irmão lesse as profecias no meu blog . . .

2 - a Ciência. A ciência já adiantou muito o conhecimento sobre a origem do Cosmos e de toda a matéria. Tudo veio à existência de uma explosão gigantesca - Big Bang. Isso aconteceu a bilhões de eternidades atrás (vamos estabelecer aqui - só aqui - 1 bilhão de anos como uma eternidade, OK?). Os dinossauros existiram por um período de talvez mais de 150 milhões de anos sobre a terra, tendo desaparecido desde a uns 65 milhões de anos. O planeta novamente 'criou' a vida e a tornou evoluida no decorrer destes tempos até uns 20 mil anos atrás quando uma nova devastação (põe ai dez milhões de vezes maior do que o terremoto do Japão de ontem) destruiu toda a vida e, inclusive as dos nossos antepassados, o homo sapiens. Foi somente a partir dai que entra em cena nosso Criador Todo-Poderoso, Jeová e todos os deuses filhos seus. Eles descobriram este planeta cheio de água mas que o pouco de terra que existia estava como que 'compacto' à água.

Daí eles criaram tudo. Por que digo "Eles" e não apenas Ele, Deus? Por que Jeová disse: "Façamos o homem à nossa imagem". Portanto, não foi só um que 'fez' o homem ou os animais e tudo o mais, mas foram 'eles', todos eles.

Por isso digo: "os Deuses criaram-nos à iamgem deles".

Irmão, estas coisas não deveriam ser absurdas para o irmão. Mas digo que se torna absurda devido ao simples fato de o irmão talvez (irmão, eu disse "Talvez") esteja nas amarras de crenças religiosas e não nas das Escrituras sozinha.

Se o irmão continuar acreditando nos que as religiões ensinam, nunca acreditará em nada novo vindo da parte de Jeová.

Wandrey

PS: Usei os vídeos só para dizer que 'sempre há alguma coisa que não sabemos'. Mas mesmo para os vídeos o irmão já tem uma explicação, né irmão? Nem sequer lhes passou na mente que pudessem ser reais, né? Isso é porque o irmão já acreditou num ensino religioso onde se ensina que no universo só existe vida aqui neste planeta.

Irmão, alargue-se.

Maurilo e Vivian disse...

Estamos todos calmos Wandrey. A situação foi tão engraçada que não me contive.
Vamos responder aos seus comentários:
- Nada pode criar a si mesmo. Para que algo crie algo, ele deve existir antes da sua criação. Não existe nenhuma, eu repito, nenhuma evidência em qualquer área de estudo ou empírica que nos mostre que algo criou a si mesmo. Absolutamente nenhuma. O universo não criou a si mesmo.
- Agora eu entendi porque você acredita nessas coisas estranhas. Vocês faz uma leitura simbólica de algo que não é simbólico. Nada na Biblia diz que Deus não criou o universo. Na verdade, é o contrário. A Bíblia usa uma expressão em hebraico que se refere a tudo o que existe: "céus e terra". Você está lendo outras informações externas para dentro do texto bíblico. Vocês está tentando encontrar na Bíblia uma justificação para crenças que você já tem. Não faça isso. Você está errado.
- Eu não tenho uma explicação para o primeiro vídeo, mas para o segundo sim. Eu já trabalhei com efeitos especiais e sei quando uma filmagem é feita por acaso e quando é feita de propósito. Além disso, mesmo que os dois vídeos seja reais, o máximo que provam é que existem eventos metereológicos que não sabemos o que são. Mas daí provar que Jeová não criou o universo, é um passo de fé às cegas.

Maurilo e Vivian disse...

Esqueci:
- Por último, o "façamos" é uma das grandes evidências da doutrina bíblica da trindade: três pessoas em uma divindade. E o "façamos" no texto só é usado na hora da criação do homem, não de todas as outras coisas.
Leia o texto com mais atenção.
Abraços.

Dimitri disse...

por que não tem a hombridade de abrir os comentários a todos, não só aqueles que são a favor de suas ideias risíveis e pseudo-filosóficas? Por que não abre espaço para o debate e para que ós, ateus, os defendâmos de suas acusações infames?
Covarde...

Dimitri disse...

É interessante o modo como exige que escrevamos deus com D maiúsculo. Ou devo abdicar do eufemismo interessante* e dizer ridículo? Se você realmente tem convicção em suas crenças, abra espaço para debate livre, ao invés de se esconder por trás de um blog enquanto ofende uma boa parcela de pessoas (Ateus, gays, testemunhas de jeová) Pelo simples fato de não concordarmos com sua fé?

Maurilo e Vivian disse...

Dimitri, você é estranho.
O blog é como a minha casa. Eu dito as regras. Estranho você achar que eu não tenha o direito de determinar minhas próprias regras. Eu acho que devo moderar os comentários, em relação à linguagem.
Mas apesar disso, estou publicando seus comentários, mesmo enquanto você continua desrespeitando as regras do blog. Por que isso é tão dificil pra você? Que ódio é esse que você tem de Deus a ponto de não querer colocá-lo em maísculo nem por respeito a alguém?
Você cobra respeito da minha parte quando está sendo desrespeitoso. Eu não desrespeito ninguém. Somente falamos a verdade. E pelo o que tenho visto em você, é isso que incomoda.
Quando você acha que eu só abro os comentários para aqueles que expressam a mesma opinião que eu, você mostra que não gastou tempo lendo o blog, mas sim que só tem um único objetivo aqui: reclamar. No final das contas, é o que sobra ao ateísmo, já que lhe faltam argumentos sólidos para suas crenças.
Todo tipo de gente que expressam as mais variadas crenças já postaram aqui.
Por favor, não deixe a sua raiva cegar sua capacidade de raciocínio. Seus comentários foram injusto, infundados e vazios de qualquer argumento sólido. Espero que você faça melhor da próxima vez.
Abraços.

Dimitri disse...

Espertinho, você, muito espertinho, me fazendo parecer mal educado e raivoso. Não se esqueça de dizer aos leitores do seu blog que faz dois dias que eu posto comentarios aqui, com argumentos válidos, mas você não publicou nenhum deles, e por isso eu enviei esses dois ultimos comentarios, criticando seu penoso processo de moderação. Porque não mostra os outros comentarios? Em?

Maurilo e Vivian disse...

Pra variar, você está errado. Os seus comentários foram todos publicados. Nos últimos dois dias não pudemos acessar o nosso blog. Você pode ver todos os seus comentários publicados na postagem http://mauevivian.blogspot.com/2010/10/cristianismo-verdadeiro-ateismo.html
Engraçado você chegar reclamando e achando que deve ditar as regras de publicação em nosso blog. Você é novo aqui. Ainda tem muito para contribuir com os diálogos para pensar em falar algo sobre as regras.
E mesmo que eu não tivesse publicado nenhum dos seus comentários, todos eles foram bem mal intencionados.
Eu não precisei fazer você parecer mal educado e raivoso. Esse foi um trabalho que você fez por si mesmo.
Vai devagar amigo, você ainda tem muito o que aprender...

Wandrey Suárez disse...

Irmão, não maltrate as pessoas. Faça como eu: deixe os comentários livres e não terá problemas. Eu mesmo também não gosto de ir a um blog ler algo que achei interessante e, uma vez lá, e tendo lido tudo com gosto, e queira fazer parte por dá um cometário e, no fim das contas descobrir que não posso comentar pois ou não há onde comentar ou os comentários passarão por 'aprovação' - isso é ridículo mesmo. Imagina que vc fosse fazer o mesmo trabalho que o Senhor Jesus fez - a pregação das Boas Novas do Reino de casa em casa e de cidade em cidade e escutasse o que ele escutou! você certamente mataria ali mesmo os que te chamassem de louco? Jesus não colocou um 'protetor de orelhas' para não escutar o que não queria. Ele sabia que escutaria todo tipo de 'malcriações'. Mas não se importava. Ele achava, em última instância, que todos têm o direito de dizer ou achar o que bem entendem. Por isso ele foi, pregou e, em respostas escutou todo tipo de blasfêmia contra ele, seu Pai e os céus como um todo.

Irmão, não deveria importar o que o irmão ateu disse aqui nestas suas caixinha de comentário de seu blog - 'sua casa' - você, se quisesse imitar o seu (nosso) exemplo, que é o Senhor Jesus, jamais deveria limitar, moderá ou deixar de postar os comentários de ninguém. Isso é antidemocrático e, também, antiteocrático, como mostrei.

Mas uma vez direi ao irmão: alargue-se irmão.

Wandrey

Maurilo e Vivian disse...

Wandrey meu amigo, alguma vez eu deixei de postar algum comentário seu? Não. Publiquei todos. Também não deixei de publicar nenhum comentário do Dimitri. Ele estava apenas reclamando, porque não achou que eu publiquei na hora que ele queria que eu tivesse feito.
Você fez uma confusão danada. E na verdade, me deixa muito triste porque você está me provando que não prestou atenção no blog de verdade. Você já percebeu a quantidade de comentários de pessoas me xingando por aqui? Já percebeu os vários comentário de ateus me atacando pessoalmente? Das testemunhas de Jeová e pessoas de outras ou nenhuma religião? Se você realmente acredita que, simplesmente porque eu quero manter o direito de cuidar da minha casa, eu estou matando a democracia, você realmente não entende o nosso trabalho e não mostra respeito por ele.
Você fez uma comparação que é sem sentido. Eu não posso moderar os comentários que as pessoas fazem quando estão falando uma com a outra. E era essa a experiência de Jesus tinha. Ele nunca teve que moderar um site. Eu não sei como Jesus faria. Mas pelo zelo que ele teve no templo, tenho certeza que seria ainda mais zeloso com as coisas de Deus. E é esse zelo que tenho tido aqui.
Eu fico pensando se você deixa qualquer um entrar na sua casa e fazer e falar o que quiser.
O blog é meu. Ele prega o evangelho. Mas é a minha casa, de onde eu prego o evangelho. Se alguém se sente incomodado, tem todo o direito de criar um blog e escrever o que quiser. O que as pessoas não podem fazer é vir na minha casa e querer impor as suas regras. Você aceita isso na sua casa?
Eu tenho publicado os comentário de praticamente todo mundo. Essa reclamação é sem sentido. Tanto na questão dos fatos quanto pelo desrespeito pelos meus direitos de dono da casa.
Eu esperava mais de você Wandrey. Não na parte teológica, já estou acostumado com a sua teologia heterodoxa, mas para quem prega tanto a democracia, achei que você respeitasse mais o direito das pessoas de cuidar daquilo que é seu.
Triste, muito triste.

Wandrey Suárez disse...

Fica triste não irmão. Faz seguinte. Não falei nada, ok?

Wandrey

Nas escrituras, tirar os sapatos tem um significado muito especial. Quando Moisés teve seu primeiro confronto com Deus, Ele disse para que ele tirasse seus sapatos porque ele estava em terra santa. Jesus caminhou descalço para o Calvário. Na cultura daquele tempo, estar descalço era o sinal que você era um escravo. Um escravo não tinha direitos. Jesus nos deu o exemplo supremo de renunciar tudo por um grande objetivo.
Loren Cunningham Making Jesus Lord / Marc 8:34,35

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...