sexta-feira, junho 10, 2011

Chaves e o evangelismo moderno


Para quem teve a sua infância nos anos 80, assistir Chaves era algo comum. E esse é hábito que eu trago até hoje. E assistindo ao programa do Chaves no Cartoon Network (não sei se ainda passa no SBT), eu vi o vídeo abaixo do especial de Natal do Chaves.


Eu parabenizo Roberto Bolaños (criador do programa) por mencionar de cara que Jesus é o principal motivo do Natal. Hoje em dia muitas igrejas esqueceram esse detalhe. Mas infelizmente, o motivo que ele apresenta para se chegar a Jesus é o mesmo que o movimento evangélico prega por aí: venha para Jesus e Ele vai te fazer feliz. E essa é uma péssima maneira de se proclamar o evangelho.
Apesar de ser verdade que Jesus nos faz feliz, é necessária qualificar essa afirmação. Qual é a felicidade do cristão? É a felicidade cristã baseada nas circunstâncias ao nosso redor ou é uma felicidade que se baseia no conhecimento sobre quem Deus é e o que Ele fez por nós? Traduzindo: quando Jesus nos faz feliz, isso quer dizer que Ele torna a nossa vida mais fácil, resolve os nosso problemas e nós dá todas as coisas que queremos em nosso vida? Ou quando Ele nos faz feliz, o faz porque somos gratos pela salvação que Ele nos proporciona e sabemos quem Ele é e que Ele nunca irá nos abandonar? Nossa felicidade, de acordo com as Escrituras, se baseia em quem Deus é. Agora, quando você fala isso para um não cristão, você realmente acha que ele vai ter essa percepção das coisas? Ou será que ele irá pensar que Jesus o fará feliz aqui e agora, resolvendo todos os seus conflitos e problemas e sua vida será calma e tranquila para sempre? E o pior é quando essa pessoa descobre que a coisa não é bem assim. Em breve chega a tribulação, perseguição, tentação e outas coisas. E a pessoa descobre que foi enganada e não quer mais saber sobre cristianismo. Não caia nessa. Não siga nessa trilha. Existe uma maneira bíblica de fazer evangelismo e ela é eficiente. E como foi dito, é bíblica.
Eu não sei qual a fé de Roberto Bolaños, apesar de suspeitar que ele seja católico. Mas a título de curiosidade, a poucos dias ele abriu uma conta no Twitter e que já possui vários seguidores. Ele é bastante carinhoso com as pessoas e tem postado coisas interessantes. Se você quer seguir o Chaves no Twitter, vá para http://twitter.com/#!/ChespiritoRGB

E uma homenagem ao nosso grande herói:


2 comentários:

Juliana de Sousa disse...

olá irmãos do blog, gostaria de saber se posso copiar e colar esta postagem e outras que quiser e divulga-las no meu blog, com os devidos créditos,óbvio.
se não, tudo bem, compreenderei,
até mais!Aguardo resposta
ps: prefiro copiar , colar e dar os créditos seria melhor queapenas indicar o link, pois penso em alcançar algumas pessoas com msgs específicas, por favor, me respondam!

até mais.

Maurilo e Vivian disse...

Olá Juliana.
Sim, pode copiar sim. Desde que você coloque um link na sua página para a texto original, pode publicar no seu blog o texto, sem problemas.

Nas escrituras, tirar os sapatos tem um significado muito especial. Quando Moisés teve seu primeiro confronto com Deus, Ele disse para que ele tirasse seus sapatos porque ele estava em terra santa. Jesus caminhou descalço para o Calvário. Na cultura daquele tempo, estar descalço era o sinal que você era um escravo. Um escravo não tinha direitos. Jesus nos deu o exemplo supremo de renunciar tudo por um grande objetivo.
Loren Cunningham Making Jesus Lord / Marc 8:34,35

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...